O que preciso saber sobre orgasmos

Assunto ainda cheio de tabus e desinformação. Talvez seja por isso que tem gente, principalmente as mulheres, que não conseguem alcançar o orgasmo. Há mulheres que afirmam nunca terem sentido essa sensação. Será que isso é um problema?

Acreditamos que na maioria dos casos, o orgasmo não acontece por motivos simples, que podem ser trabalhados. É sobre eles que vamos falar hoje.

O orgasmo está na mente

O nosso pensamento está totalmente ligado ao ápice do prazer. Mas, isso não significa que precisamos ficar pensando nisso, focados esperando acontecer, que a única coisa que sentiremos será desconforto. Isso vale para ambos os parceiros, não fique pensando no momento de você o outro ter o orgasmo. Ele acontece naturalmente, não é uma obrigação.

Foque em desfrutar do momento, do seu próprio corpo e do parceiro. E isso dá a deixa para outro item fundamental para orgasmos maravilhosos.

Se você não consegue gozar sozinho, não conseguirá com outro alguém

Quanto mais conhecermos o nosso corpo, as partes que nos proporcionam sensações deliciosas, mais iremos nos sentires confortáveis e relaxados durante o sexo – estado ideal para o orgasmo.

A prática da masturbação é o caminho ideal para nos conhecermos. Infelizmente, devido ao machismo, preconceitos e desinformação, muitas pessoas não se permitem à masturbação. Mas, se queremos atingir o máximo de prazer sexual, é preciso nos libertar desses pensamentos.

A masturbação é saudável para o corpo, não há nada de errado com ela.

O corpo inteiro é uma zona de prazer

Não são somente os órgãos sexuais que despertam excitação e prazer. O nosso corpo inteiro é algo lindo e deve ser explorado. Existem diversas partes que podem excitar até mais do que estimulação direta nas áreas sexuais, como o pescoço, orelhas e onde mais sentirmos prazer.

Importante também falar sobre a aceitação do próprio corpo. Aceite cada imperfeição, cada pedacinho seu. Você é uma pessoa única, reconheça o seu valor. Quando você se aceita, o seu poder de sedução aumenta muito.

Pensar em sexo é importante

Sim, pensar em sexo aumenta o desejo. Libertar nossos pensamentos, criar fantasias sexuais, deixar a imaginação fluir. Isso inspira para a hora H.

Temos que buscar as boas sensações que nossos pensamentos podem proporcionar.

Curta o momento, esqueça o mundo

Como já dito, o pensamento influencia diretamente para um bom sexo. Focar no momento, fantasiar, gemer, pegar, curta o presente! Para o orgasmo, o nosso corpo precisa estar muito excitado, com o sangue, literalmente, fervendo nas veias.

Quando não estamos aproveitando o momento, com a cabeça em outro lugar, nos distraímos mais facilmente e o corpo responde a isso, esfriando o clima. Um jeito para evitar isso é continuar com as carícias e estimulações durante a penetração. Sem pressa, curtindo um ao outro.

O cérebro identifica os estímulos sexuais e envia o sinal para o corpo atingir o prazer máximo. Isso libera diversos hormônios, que facilitam para o orgasmo acontecer.

 Treino é tudo

Sentir prazer é treino. Quanto mais praticar, da forma que for mais confortável e prazerosa para você, mais fácil e natural os orgasmos acontecerão.

Ah, a prática do pompoarismo ajuda muito as mulheres nisso.



Deixe uma resposta